Top Social

RESENHA | TOCADA PELAS SOMBRAS - RICHELLE MEAD

segunda-feira, 20 de novembro de 2017

SINOPSE

Rose Hathaway sabe que é um erro se apaixonar por um de seus instrutores. Lissa, sua melhor amiga e última princesa do clã dos Dragomir, deve vir sempre em primeiro lugar. Rose precisa protegê-la. Mas, infelizmente, quando se trata de Dimitri Belikov, algumas regras parecem existir apenas para serem quebradas. Justamente quando Lissa e Rose veem seu pior inimigo, Victor Dashkov, a um passo de sair da prisão, imagens sombrias começam a invadir a mente de Rose, prenunciando algo terrível à espreita da Escola São Vladimir. A tensão ronda o mundo dos Moroi mais do que nunca. Os Strigoi desejam vingança pelas mortes causadas por Rose em Spokane. Numa batalha de tirar o fôlego, ela viverá seus piores pesadelos ao ter de escolher entre o amor de sua vida e sua melhor amiga. Será que essa escolha significa que apenas um deles sobreviverá?

RESENHA


Em "O Beijo das Sombras", livro que deu início a série, vimos Vasilisa Dragomir, até então insegura com seus poderes recém descobertos, ser sequestrada por Victor Dashkov. Seu objetivo era garantir a cura para sua Síndrome de Sadovsky, ignorando o quanto o uso do espírito poderia ser prejudicial a saúde da própria Lissa. Felizmente, chegamos a um final de feliz e vimos o príncipe ser levado para que fosse subjugado as leis dos Moroi. Entretanto, isso não aconteceu.

Meses após o ocorrido, Victor Dashkov encontra-se aguardando o julgamento, que ocorrerá em breve. Diversos guardiões, que estiveram presentes durante sua captura, irão relatar suas versões. Todos terão direito a fala, menos Lissa. Quando Rose Hathaway toma ciência da situação insiste para que as duas estejam presentes, inclusive Christian Ozera, que também foi afetado. Após Adrian Ivashkov exercer sua influência sobre a Rainha Tatiana, sua tia avó, todos partem para a Corte. E então a história começa a tomar forma. 

Lissa e Rose passam por experiências inesperadas durante a breve estadia no centro político Moroi, o que é suficiente para que Lissa tenha uma maior noção do jogo de poder que ocorre no local. Personagens novos são introduzidos e com eles mistérios sobre o passado e também segredos sórdidos da alta realeza. Alguns conhecidos ganham destaque, como Mia Rinaldi e Eddie Castille, e torna-se possível se aproximar deles e desejar saber mais sobre suas respectivas histórias e como os acontecimentos de "Aura Negra" os impactaram. 

Agora, depois de Spokane, eu me sentia uma garota completamente diferente daquela que conversara com Dimitri sobre diversão. Estava quase me formando. Coisas do ensino médio... bailes... namorados... o que isso importava num contexto mais amplo? Tudo na São Vladimir parecia trivial demais - a não ser por aquilo que fazia de mim uma guardiã melhor.

Quando retornam a São Vladimir, afim de permanecerem cumprindo seus deveres como guardiões para a última avaliação do período letivo para os aprendizes, há uma certa comoção quanto aos novos ideais liberais que estão surgindo e perturbando a paz do Conselho. E, quando o leitor imagina que Richelle Mead irá focar numa espécie de "drama adolescente", a autora narra uma grande reviravolta que muda todo o curso da série.

É sempre bom ver o quanto um autor consegue surpreender seus leitores e Richelle Mead faz isso nos momentos mais inesperados. Dimitri Belikov e Rose têm seu momento romântico, como muitos esperavam, porém nem tudo é um mar de rosas e autora deixa isso bem claro com o desfecho de "Tocada pelas Sombras", criando um ótimo gancho para o quarto livro de "Academia de Vampiros". Mais uma vez, um livro surpreendente e de tirar o fôlego. 


Post Comment
Postar um comentário